06/06/14

Leitura: Afonso Cruz, "Para onde vão os guarda-chuvas"

Imagem:AfonsoCruz.jpg
fonte imagem: http://wiki.ued.ipleiria.pt


"A desgraça é feita de pequenas coisas, de detalhes, e os detalhes mais perniciosos são de metal. São balas."

"Um homem que, ao espelho, veja reflectido um homem em vez de um labirinto, não está a ver um homem. Está a ver um reflexo. " (cit. Fragmentos persas - anónimo, séc I depois da Hégira)

"É a ausência que nos faz mexer, é esse o nosso objetivo: aquilo que nos falta" 

"É preciso corrigir o equilíbrio notavelmente/absolutamente/absurdamente/infinitamente/moralmente/esteticamente desiquilibrado deste universo infame."

"Só o inesperado é capaz de nos fazer verdadeiramente felizes, mas para isso precisamos da ignorância, que é o ingrediente mais importante para a felicidade"

Sem comentários: