27/01/10

Manifesto Dimensionista

"(...) A necessidade absoluta de evoluir - instinto irredutível - que faz com que as formas mortas e as essências defuntas se tornem presa de diletantes apenas, obriga as vanguardas a caminhar para o desconhecido. (...)

António Pedro, col. Obras Clássicas da Literatura Portuguesa, editora Angelus Novus, in "Antologia Poética", introdução, Selecção e Notas de Fernando Matos Oliveira

Sem comentários: